Tenente e prefeito promovendo censura aos Meios de Comunicação? Jackson Rangel Vieira

Tenente e prefeito promovendo censura aos Meios de Comunicação?

O prefeito de Rio Bananal, norte do Espírito Santo, Felismino Ardizzon (PSB), assina nota com a Segunda Tenente do Batalhão local, Jéssica Fagundes Cesarino, dia 03, em clara e vergonhosa exposição de censura aos meios de comunicação da região no trato com notícias policiais. Caso inusitado até hoje para a Imprensa Capixaba.

O ato de surrealismo, perto do bizarro, aconteceu no Gabinete do Prefeito, em que foi comunicada a pauta de “como as notícias policiais estão sendo noticiadas e os impactos desse veiculação”. Chegando ao ao absurdo de informar que determinadas notícias traduzem obstrução da Justiça e de atrapalho nas investigações.

Ora, a Imprensa tem independência pela Constituição de informar sem cabresto ou controle de qualquer órgão ou instituição. E nenhuma autoridade tem atribuição ou capacidade de dar curso em como veicular a notícia. As informações inclusive não carecem de obedecer ordem oficiais, preservando sua fonte, servindo, ao contrário, para contribuir com a sociedade.

A bem da verdade, o ato solene, dentro das dependências da Prefeitura, serviu mais para expressão de intimidar veículos de comunicação que publicam matérias que desagradam o prefeito ou determinadas autoridades. Somente em ditadura rara concebe esse tipo de pensamento e gasto desnecessário com o dinheiro público para pautar jornalista. Repudiante e ultrajante!

Voltar ao Topo

COMPARTILHAR