Consultor da RBR reclama de Massa no Japão Consultor da RBR reclama de Massa no Japão

Felipe Massa ainda vive uma incógnita sobre seu futuro na Fórmula 1. Disputando uma vaga na Williams contra Robert Kubica, Paul Di Resta e Pascal Wehrlein, o brasileiro já considera outras opções para 2018, como migrar para a Fórmula E, campeonato de monopostos elétricos, que tem o compatriota Lucas Di Grassi como atual campeão. Entretanto, se Massa não sabe o que será do ano que vem, Helmut Marko, consultor da RBR, parece ter uma opinião contundente sobre o que o vice-campeão de 2008 deveria fazer na próxima temporada.

- Seria melhor Massa se aposentar - disse o dirigente em entrevista à emissora austríaca "ORF".

A ira do austríaco se deu por conta de um episódio envolvendo o piloto brasileiro nas últimas voltas do GP do Japão. Max Verstappen, pupilo de Marko, alcançou o líder Lewis Hamilton e passou a ameaçar a vitória do inglês da Mercedes. Os dois, porém, encontraram Fernando Alonso e Massa como retardatários pela frente, sendo que o tricampeão conseguiu se livrar rapidamente da dupla, enquanto o holandês sofreu para ultrapassá-los. Helmut acredita que Felipe atrapalhou Max, mudando as linhas, evitando que a RBR #33 conseguisse manter a aproximação ao rival britânico.

- Verstappen tinha o ritmo para atacar Hamilton. Não pode se mover em tantas curvas quando os líderes se aproximam de você. Sem esse episódio, teríamos tido um final emocionante - comentou.

No momento em que os dois primeiros encostaram, Alonso e Massa brigavam arduamente pela 10ª colocação, que acabou ficando com o brasileiro. Após a corrida, a direção de prova puniu o espanhol com dois pontos na carteira de piloto por ter ignorado as bandeiras azuis, enquanto Felipe saiu ileso de qualquer repreensão. O próprio Verstappen, inclusive, disse que mesmo se tivesse passado fácil a Williams #19, não conseguiria superar a flecha de prata do britânico.

Voltar ao Topo

COMPARTILHAR